Terça-Feira, 12 de Dezembro de 2017

19/6/2012 - Indaiatuba - SP

Natação paradesportiva de Indaiatuba é campeã geral por equipes no Brasileiro




da assessoria de imprensa da Prefeitura de Indaiatuba

 

A equipe de natação paradesportiva da Secretaria Municipal de Esportes/Apin foi campeã no ranking geral por equipes pela primeira vez ao longo de seis anos de trabalho. A conquista foi obtida no Campeonato Brasileiro de Natação, realizado nos últimos dias 16 e 17 de junho no Sport Club Corinthians Paulista, em São Paulo. O desempenho individual dos atletas também surpreendeu, com o registro de que cada um dos 14 competidores conseguiu figurar entre os três melhores colocados em pelo menos uma prova. Foram 13 medalhas de ouro, 14 de prata, quatro de bronze e três recordes brasileiros. Quatro membros da comissão técnica acompanharam o grupo, sob a coordenação do treinador Antônio Luiz Cândido. Confira a classificação:
Ailton Nobrega – 01 medalha de prata (100m costas)
Beatriz Zuzi – 01 medalha de ouro (50m livre) e 03 medalhas de prata (100m costas, 100m livre e 400m livre)
Brenda Lia – 01 medalha de prata (100m peito)
Caroline Werneck – 01 medalha de bronze (200m medley)
Evaldo Santana – 02 medalhas de prata (200m medley e 50m borboleta)
Fernando Joaquim – 01 medalha de bronze (200m costas)
Gislene Ferreira – 02 medalhas de ouro (100m livre e 50m costas) e um recorde brasileiro (100m livre)
Helder Von Ah – 01 medalha de ouro (200m medley) e 01 medalha de prata (100m peito)
Nubea Lins – 01 medalha de ouro (100m peito), 01 medalha de prata (100m costas) e 01 recorde brasileiro (100m peito)
Rafaela Barce – 01 medalha de bronze (100m costas)
Raquel Viel – 04 medalhas de ouro (100m costas, 100m peito, 200m medley e 400m livre)
Ricardo Felix – 02 medalhas de prata (100m costas e 200m medley) e 01 de bronze (400m livre)
Ronaldo Santos – 01 medalha de ouro (400m livre) e 02 medalhas de prata ( 100m livre e 100m costas)
Tais Bobato – 03 medalhas de ouro (100m livre, 100m costas e 400m livre), 01 medalha de prata (50m livre) e um recorde brasileiro (400m livre)
“Vários resultados individuais expressivos já haviam sido conquistados pelos nossos atletas no período de treinamento, mas é a primeira vez que temos este resultado coletivo”, destaca o treinador Antônio Luiz Cândido. “As conquistas dos competidores também mostram que a equipe está mais forte e brigará pelos resultados no coletivo em todas as competições que disputar este ano”, completa, destacando ainda que no próximo dia 20 será divulgada pelo Comitê Paraolímpico Brasileiro a lista de convocados para os Jogos Olímpicos Paradesportivos de Londres. “Estamos na expectativa para conferir se teremos atletas na Seleção, uma vez que temos competidores que estão entre os oito melhores do mundo e com índices para as Olimpíadas. A concorrência é grande, serão escolhidos seis mulheres e 16 homens para compor a equipe, entre cerca de 60 atletas que detêm índices A e B”, finaliza.
O próximo desafio dos atletas de alto rendimento acontece dia 23 em Campinas na disputa da Copa Clip. A equipe Secretaria Municipal de Esportes/Apin de natação PCD tem ainda o apoio da Vmarc, Confidence Câmbio, Taquaral Sport Center e Clean Eco Lavanderia.
Esporte como exercício da cidadania e inclusão social
O esporte competitivo em Indaiatuba tem como objetivo primordial inspirar e estimular crianças e jovens para a prática esportiva, tendo como exemplo atletas de sucesso que iniciaram sua carreira no Pria (Programa de Recreação, Iniciação e Aperfeiçoamento) da Secretaria Municipal de Esportes. Direcionado a crianças na faixa etária de 06 a 15 anos, o projeto oferece atendimento gratuito para 17 modalidades em 19 pólos. Suas metas são o desenvolvimento da ética esportiva, a valorização do caráter educacional do esporte, a cooperação, a consciência corporal e o exercício pleno da cidadania, com amplo acesso à participação popular.

A equipe de natação paradesportiva da Secretaria Municipal de Esportes/Apin foi campeã no ranking geral por equipes pela primeira vez ao longo de seis anos de trabalho. A conquista foi obtida no Campeonato Brasileiro de Natação, realizado nos últimos dias 16 e 17 de junho no Sport Club Corinthians Paulista, em São Paulo. O desempenho individual dos atletas também surpreendeu, com o registro de que cada um dos 14 competidores conseguiu figurar entre os três melhores colocados em pelo menos uma prova. Foram 13 medalhas de ouro, 14 de prata, quatro de bronze e três recordes brasileiros. Quatro membros da comissão técnica acompanharam o grupo, sob a coordenação do treinador Antônio Luiz Cândido. Confira a classificação:


Ailton Nobrega – 01 medalha de prata (100m costas)


Beatriz Zuzi – 01 medalha de ouro (50m livre) e 03 medalhas de prata (100m costas, 100m livre e 400m livre)


Brenda Lia – 01 medalha de prata (100m peito)


Caroline Werneck – 01 medalha de bronze (200m medley)


Evaldo Santana – 02 medalhas de prata (200m medley e 50m borboleta)


Fernando Joaquim – 01 medalha de bronze (200m costas)


Gislene Ferreira – 02 medalhas de ouro (100m livre e 50m costas) e um recorde brasileiro (100m livre)


Helder Von Ah – 01 medalha de ouro (200m medley) e 01 medalha de prata (100m peito)


Nubea Lins – 01 medalha de ouro (100m peito), 01 medalha de prata (100m costas) e 01 recorde brasileiro (100m peito)


Rafaela Barce – 01 medalha de bronze (100m costas)


Raquel Viel – 04 medalhas de ouro (100m costas, 100m peito, 200m medley e 400m livre)


Ricardo Felix – 02 medalhas de prata (100m costas e 200m medley) e 01 de bronze (400m livre)


Ronaldo Santos – 01 medalha de ouro (400m livre) e 02 medalhas de prata ( 100m livre e 100m costas)


Tais Bobato – 03 medalhas de ouro (100m livre, 100m costas e 400m livre), 01 medalha de prata (50m livre) e um recorde brasileiro (400m livre)


“Vários resultados individuais expressivos já haviam sido conquistados pelos nossos atletas no período de treinamento, mas é a primeira vez que temos este resultado coletivo”, destaca o treinador Antônio Luiz Cândido. “As conquistas dos competidores também mostram que a equipe está mais forte e brigará pelos resultados no coletivo em todas as competições que disputar este ano”, completa, destacando ainda que no próximo dia 20 será divulgada pelo Comitê Paraolímpico Brasileiro a lista de convocados para os Jogos Olímpicos Paradesportivos de Londres. “Estamos na expectativa para conferir se teremos atletas na Seleção, uma vez que temos competidores que estão entre os oito melhores do mundo e com índices para as Olimpíadas. A concorrência é grande, serão escolhidos seis mulheres e 16 homens para compor a equipe, entre cerca de 60 atletas que detêm índices A e B”, finaliza.


O próximo desafio dos atletas de alto rendimento acontece dia 23 em Campinas na disputa da Copa Clip. A equipe Secretaria Municipal de Esportes/Apin de natação PCD tem ainda o apoio da Vmarc, Confidence Câmbio, Taquaral Sport Center e Clean Eco Lavanderia.


Esporte como exercício da cidadania e inclusão social


O esporte competitivo em Indaiatuba tem como objetivo primordial inspirar e estimular crianças e jovens para a prática esportiva, tendo como exemplo atletas de sucesso que iniciaram sua carreira no Pria (Programa de Recreação, Iniciação e Aperfeiçoamento) da Secretaria Municipal de Esportes. Direcionado a crianças na faixa etária de 06 a 15 anos, o projeto oferece atendimento gratuito para 17 modalidades em 19 pólos. Suas metas são o desenvolvimento da ética esportiva, a valorização do caráter educacional do esporte, a cooperação, a consciência corporal e o exercício pleno da cidadania, com amplo acesso à participação popular.

 



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Indaiatuba Fácil.


Enviar esta notícia por email
Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2017, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.