Domingo, 17 de Dezembro de 2017

29/6/2012 - Indaiatuba - SP

Fiscalização e Bombeiro alertam para novo golpe




da assessoria de imprensa da Prefeitura de Indaiatuba

 

O Corpo de Bombeiros e o Departamento de Fiscalização da Prefeitura pedem atenção aos comerciantes para um novo golpe que tem sido aplicado na cidade. Segundo relato de vítimas, uma pessoa liga ao proprietário de estabelecimento comercial se identificando como funcionário da Fiscalização.
Ela informa que está em aberto um processo de vistoria do Corpo de Bombeiros e que para evitar multa é preciso depositar R$ 1.000,00 em uma referida conta. O falso funcionário diz ainda que vai segurar o processo. A orientação é ligar para um número de telefone e confirmar, com uma advogada, o depósito para liberação dos documentos. Assim que as vítimas fizeram a ligação não foram atendidas e perceberam que caíram em um golpe.
Um dos boletins de ocorrência foi registrado em 22 de junho de 2012 às 14h06 no 1º DP. O comerciante, estabelecido no bairro Tancredo Neves, relatou que recebeu a ligação do telefone 3012-6128 e disse ter depositado os R$ 1.000,00 em duas operações bancárias. Ele só percebeu o golpe após a tentativa de confirmar o depósito pelo telefone informado
O Corpo de Bombeiros e o Departamento de Fiscalização alertam que não agem dessa forma. Para todas as questões de ambas não são solicitados depósitos e toda documentação, seja notificação ou imposição de multa é procedida somente mediante documentos impressos e timbrados. Denúncias podem ser feitas pelo 153 da Guarda Municipal ou 190 da Polícia Militar.

O Corpo de Bombeiros e o Departamento de Fiscalização da Prefeitura pedem atenção aos comerciantes para um novo golpe que tem sido aplicado na cidade. Segundo relato de vítimas, uma pessoa liga ao proprietário de estabelecimento comercial se identificando como funcionário da Fiscalização.


Ela informa que está em aberto um processo de vistoria do Corpo de Bombeiros e que para evitar multa é preciso depositar R$ 1.000,00 em uma referida conta. O falso funcionário diz ainda que vai segurar o processo. A orientação é ligar para um número de telefone e confirmar, com uma advogada, o depósito para liberação dos documentos. Assim que as vítimas fizeram a ligação não foram atendidas e perceberam que caíram em um golpe.


Um dos boletins de ocorrência foi registrado em 22 de junho de 2012 às 14h06 no 1º DP. O comerciante, estabelecido no bairro Tancredo Neves, relatou que recebeu a ligação do telefone 3012-6128 e disse ter depositado os R$ 1.000,00 em duas operações bancárias. Ele só percebeu o golpe após a tentativa de confirmar o depósito pelo telefone informado


O Corpo de Bombeiros e o Departamento de Fiscalização alertam que não agem dessa forma. Para todas as questões de ambas não são solicitados depósitos e toda documentação, seja notificação ou imposição de multa é procedida somente mediante documentos impressos e timbrados. Denúncias podem ser feitas pelo 153 da Guarda Municipal ou 190 da Polícia Militar.

 



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Indaiatuba Fácil.


Enviar esta notícia por email
Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2017, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.